quarta-feira, 6 de junho de 2012

As mulheres preferem os verdes

Eu sempre gostei muito de super-heróis, apesar de meu amor ser poser ao olhar dos nerds. Nunca li nenhum gibi que não da Turma da Mônica e nem foi por desinteresse; penso que gostaria muito de acompanhar quadrinhos, o problema é que nunca sei por onde começar. A questão, porém, não é essa. Eu falava sobre meu amor por super-heróis, certo? Pois bem. O Homem Aranha sempre foi o amor da minha vida e o nome do Peter Parker está inscrito no meu coração - ainda mais agora que ele será interpretado pelo Andrew Garfield, aquele ser humano amor. Ele é meu favorito para todo sempre, salve-salve. No entanto, isso não significa que ignoro todos os outros heróis. Em segundo lugar vem o Batman, e minha lista é imensa.

Apesar da grandeza da minha lista e do meu coração que sempre cabe mais alguém pra amar platonicamente, eu nunca gostei do Hulk. Aliás, eu via o Hulk com um certo desprezo, nem o enxergava como um herói verdadeiro. Quem aí já fantasiou em ser salva de um prédio em chamas por uma criatura verde e raivosa? Eu ia preferir ficar lá pegando fogo, obrigada. Deus me livre de ser esmagada nas mãos do gigante verde. Eu achava tão bobo o fato do Hulk ficar verde e enorme, rasgando as próprias roupas, emitindo urros guturais só porque ficava com raiva, que desprezava-o sem nunca ter nem mesmo assistido ao filme. Deixava ele no cantinho junto com os chatos do Super Homem e do Capitão América, e os heróis bobos do Quarteto Fantástico. No entanto, contudo, entretanto, todavia, tudo mudou quando assisti Os Vingadores.

Quer dizer, tudo mudou quando o Mark Ruffalo entrou na história. Convenhamos que Eric Bana, que o interpretou no primeiro filme, e o Edward Norton, que o fez no segundo, são capazes de fazer o coração bater um tiquinho mais forte, só que Mark Ruffalo, minha gente, se encontra em um outro patamar de amor, infinitamente mais alto e habitado por uma quantidade esmagadoramente maior de borboletas e suspiros. Como diz a Analu, Mark Ruffalo tem cara de um vizinho que todas queriam ter, que bate na porta da sua casa numa sexta-feira chuvosa pra pedir uma xícara de açúcar e ganha de volta seu coração. Mark Ruffalo fez De Repente 30, Just Like Heaven, Minha Vida Sem Mim e uma pontinha toda especial em Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças. Mark Ruffalo fez você pensar em todos os colegas de classe gordinhos e estranhos que você já teve, na esperança de que algum deles seguisse a cartilha das comédias românticas americanas e se tornasse um fotógrafo sensível, fofo e cheio de amor para dar.


 Foi só por causa dele que eu consegui enxergar o outro lado do Hulk. Eu, do alto do meu preconceito com caras verdes e gigantes, pensava que o Hulk fosse apenas um brucutu que gosta de andar seminu quebrando as coisas ao seu redor. Depois do filme, porém, me deparei com a real personalidade dele e quase chorei de tanto amor. O Hulk não só é muito mais do que um brucutu garanhão verde como é uma alma atormentada cheia de traumas e complexidades sensíveis. Nada como uma alma atormentada pra encher o coração de uma mulher. Nada como um coração em conflito escondido dentro de um gigante verde para enternecer mais a minha pessoa. Nada como Mark Ruffalo interpretando um personagem com as características supracitadas para fazer com que eu tenha um ímpeto fortíssimo de colocar o brutamontes do Hulk no colo, mesmo que me esmagasse, lhe dar um beijo na testa e dizer que vai ficar tudo bem. 


O filme começa com a Scarlett Johanson indo pra Índia tentar recrutar o Dr. Banner pra equipe dos Vingadores. Ele se refugiou lá trabalhando como médico voluntário, isolado de todos, porque sabia que seus poderes eram incontroláveis e não queria ser responsável pela destruição do mundo apenas porque é incapaz de controlar a própria força. Ao chegar no QG dos Vingadores ele logo começa a trabalhar em cálculos ultra complexos, se esquivando linda e acidamente de todo e qualquer tipo de provocação a ele destinada por Tony Stark (outro lindo da minha lista), ali no cantinho dele, ali constrangido porque sabe que todo mundo morre de medo que ele perca o controle, ali todo cheio de inseguranças mesmo quando ele é o único forte o suficiente pra destruir o mundo. Não direi mais apenas para não estragar o desenrolar da história para aqueles que porventura ainda não assistiram o filme. O roteiro, contudo, é o de menos. O grande trunfo do filme é mostrar todo esse encantamento escondido por trás do Hulk, personagem o qual, agora que o conheço inteiramente, não me deixa pensar em argumentos convincentes o suficiente para que eu não tenha essa vontade enorme de casar com ele. 

Se a Renata pode ter os seus mendigos sensíveis, eu  não quero mais viver num mundo sem meu gigante verde sensível e atormentado. 

23 comentários:

  1. Mark Ruffalo humanizou o Hulk, né Anna? Eu amei Os Vingadores e amei a participação do Hulk nessa. Eu amo super heróis, como você já devia imaginar e o verdão nunca esteve na lista de comentários sobre comics. Mas, como não se apaixonar pela pessoa por trás do bichão verde? Esses 'deuses franzinos' não são nada perto do 'vizinho que todo mundo quer ter'!(adorei isso!!)

    ResponderExcluir
  2. Graças a Deus o filme dos Vingadores abriu os olhos de muita gente pra bastante coisa nova! Eu mesma sempre amei o Thor, mas nunca liguei pro Loki. Depois da interpretação de Tom Hiddleston, minha filha, eu me apaixonei pelo vilão e deixei as revistinhas do loirão de lado! Só queri saber do Loki e sua vida incompreendida e sua infância destruída por uma mentira e... ok, chega.

    Hulk é amor! Adoro o Eric Bana, detesto o Norton, e ambos não souberam absorver a essência do grandão. Mas o Ruffalo... gente, o Ruffalo... Sensacional! Perfeito! Espero que ele durma no formol e faça o Hulk pra sempre!

    ResponderExcluir
  3. Eu também não via nada no Hulk até assistir "Os Vingadores" e achei ele ótimo! Claro que o Mark ajuda muito né? hahaha, e eu queria assistir o filme dele, agora vai ter até o 4°.
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Mark Mark Mark, ó meu querido futuro marido, como não se apaixonar por você? HAHAHAHA gente, sou MALUCA, MALUCA, MALUCA por esse cara desde "E se fosse verdade?" Meu Deus! Me apaixonei mais ainda tem "De repente 30" e nos vingadores eu já era louquinha por ele! Só que eu pintaria o Hulk de vermelho (porque verde me lembra o Xoritiba!) HAHAHA Beijos minha linda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHAHA
      Só você mesmo pra conseguir lembrar do seu time até num assunto nada a ver com futebol desses, Rhai <3

      Excluir
    2. HAHAHAHAAHA Impossível não fazer menção a ele no momento do "verde" HAHAHAAHA

      Excluir
  5. eu já achei o contrário, que o papel de Hulk não combinou com o Mark, que é lindo, sensacional e tudo mais! igual o papel de lanterna verde não combinou com o Ryan Reynolds!
    com os outros atores, principalmente o Robert Downey Jr. combinou ser o homem de ferro, mas o Mark...
    mesmo assim, ele foi um motivo a mais pra eu ter ido ver vingadores mais de uma vez hehehe!! =)
    Beijosssssss

    ResponderExcluir
  6. Olá, a postagem ta show, mas vim te fazer um convite, da uma passada na pagina dos Garotos Modernos no FACEBOOK, se gostar da um like...
    https://www.facebook.com/pages/Garotos-Modernos/242559912489324

    ResponderExcluir
  7. Esse é o filme mais comentado do momento, sem duvida! E eu ainda não o vi!! Vc falou de super-heróis... Eu amo o Smallville!!! rsrsrs
    Vc desapareceu do blog mesmo? Qdo visita? rs

    ResponderExcluir
  8. Anna,
    meu herói favorito não é bem um herói. Também vou dessa perspectiva de quem interpreta. Daí que gostei muito do Allan Quaterman de A Liga Extraordinária, que foi o Sean Connery quem fez, e o Sean Connery é amor. Hoje em dia gosto muito do Homem de Ferro, porque herói, para mim, precisa ter senso de humor e humor ácido.
    Mark Ruffalo também fez Ensaio Sobre a Cegueira - mas eu o conheci mesmo no apaixonante De Repente 30. Ele ainda é um ator de pouco destaque, mas foi um fofo interpretando o Hulk. Gostei bastante. Até Scarlett me surpreendeu (sinto por ela o mesmo que você sente pela Angelina Jolie).
    Enfim, só por causa dele valeu o filme.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Eu sou suspeita para falar de super heróis, mas devo admitir que meu amor por eles é meio marginal, já que praticamente preciso assistir todos os filmes sobre eles. Conheço as histórias dos desenhos e um pouco dos quadrinhos, mas é pouco, pouquíssimo! O fato é que só de pensar que é o Mark Ruffalo que interpreta o Hulk, já caio de amores. Porque não tem como não amar qualquer papel que ele faça. É fato, o cara é amor puro.

    Só sei que a minha paixão atual é o Tony Stark forevermente lindo, maluco e charmoso.

    Quanto aos Vingadores, ainda não vi, mas quando ver, venho comentar. xD

    Beijo!

    ResponderExcluir
  10. Magoei pra sempre com você falando que o Super Homem é chato. MEU Super Homem, poxa vida! Agora, nunca tive a menor paciência com o Hulk também, e ainda não assisti Avengers, mas, contudo, todavia, entretanto.. Mark Ruffalo. O vizinho. O cara amor. Eu quero.

    ResponderExcluir
  11. Já te falei que não tenho um super herói favorito, mas gosto de uns caras pouco convencionais tipo o Sherlock, o James Bond e o Zorro. Esses eu SUPER chamaria pra me salvar, sem medo, hahahaha! Eu gostava de assistir uma série no SBT chamada "Louis e Clark, as aventuras do super homem" e meu amor por ele acabou ali. Achava Smallville um MICÃO, mas enfim. Não me mata, mas eu vi UM filme do homem aranha =x E não tenho paciência pro Tobey Maguire porque acho a voz dele FEIA. Sim, eu sou estranha. Esse é um dos motivos pra eu ter problemas com o Edward Norton = a voz dele é HORROROSA DEMAIS. Enfim, passado isso, eu amo o Andrew Garlfied, COM CERTEZA verei o filme e esse trauma passará (: Hihihi

    Quando ao Mark Ruffalo, SAI TODO MUNDO QUE ELE É MEU, BEIJOS. Mentira, ele é lindo mesmo e todas merecemos um pouco. Em breve confiro ele como Hulk - que eu até que sempre curti, sabia?

    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Eu AMO Mark Ruffalo! Ele arrancou meu coração e ficou pra ele com aquele papel de fotógrafo sensível. Ele em Os Vingadores é a coisa mais cheia de graça, minha gente! Ainda não sonho em ser salva do prédio em chamas pelo grandão verde - vem você, Homem Aranha - mas pegaria com certeza.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Finalmente encontrei alguém que tenha o mesmo amor pelo Mark como eu, visito seu blog a um bom tempo, e quando digo bom tempo é muito tempo! Uns 4, 5 anos. Acho que nunca fui muito de comentar aqui e se comentei foram no máximo umas 2 vezes, mas depois desse post fica impossível não comentar.Sempre fui muito louca pelo Hulk, amo a serie antiga dele e sim lamento muito pela porcaria que são os filmes "novos",tenho uma queda imensa pelo Mark e imagina minha felicidade ao descobrir que era o Mark interpretando meu herói favorito? foi muito amor hahaha. Ainda sonho em encontrar um Mark pra mim. Beijos Anna vou comentar aqui mais vezes a partir de agora!

    ResponderExcluir
  14. Senta que lá vem a história...

    Eu não sei como tudo começou. Mas acontecia assim: nos fins de tarde, esse moleque (que a gente chamava de Hulk) ia comprar pão na padaria que ficava na rua da casa da minha tia Vera. Assim que a gente (meus dois primos e eu) o via se aproximar, a gente o cercava. E então começava a sua transformação. Ele repetia toda performance do Hulk: grunhia, fazia aquelas poses baitolescas, e então eu tentava prendê-lo segurando os braços dele. Não era agressão física, porque não aconteciam socos ou chutes, e nem existia raiva. Pra gente, pelo menos, era apenas uma brincadeira. Gosto de pensar que ele realmente acreditava que se transformava no Hulk, pelo menos uma transformação interna, inexistente pra quem não tinha a nossa imaginação (éramos crianças, e com essa idade todas as coisas são possíveis). Eu tinha muito mais força, só que ele sempre conseguia se safar. SEMPRE! E ia para a padaria triunfante, certamente já tendo voltado a ser apenas David Banner. O Hulk sempre nos reduzia a pó, especialmente a mim.

    Mas um dia a sorte mudou de lado. Nós o vimos quando ele já voltava da padaria, carregando uma sacola de pão e uma caixa de ovos. Nós o cercamos, como de costume. E nessa tarde, não sei porque diabos, ele ficou desesperado. Nós não íamos machucá-lo, e ele sabia muito bem disso porque tudo aquilo já tinha acontecido uma porção de vezes. Mas ele ficou com tanto medo dessa vez que desembestou a correr e nós fomos atrás dele, o cercamos como hienas carniceiras cercam um filhote de leão. Apavorado, o Hulk acabou tropeçando, se estabacou no chão, o saco de ovos voou longe e foi aquela lambança. Ele entrou numa rua, sempre comigo no seu encalço, e assim acabei descobrindo onde ele morava. Encostado no muro da casa dele, ele começou a chorar de um jeito muito alucinado. Implorava pra que eu não contasse pro seu padrinho que ele tava criando confusão na rua, porque senão ele ia acabar com a vida dele. Nessa hora eu percebi que a brincadeira tinha ido longe demais.

    O Hulk virou meu amigo até muito tempo depois desse episódio, e a amizade continuou por um tempo mesmo depois de eu me mudar pra São Paulo. Da última vez que o vi, acho que hás uns 3 anos, ele ainda morava no mesmo lugar. Foi ele quem me reconheceu. Eu espero que ele tenha se dado bem na vida, porque era um bom moleque.

    ...

    Tudo isso era só pra dizer que o Mark Ruffalo fez um Hulk bastante adequado.

    ResponderExcluir
  15. Quando eu era pequena tinha bira do Hulk. Era só eu ficar brava, ter meus ataques, e lá vinha meu pai: "Olha o Hulk!" o que me emputecia mais ainda. Até que um dia resolvi assistir a série que passava... e senti uma certa simpatia pelo moço.
    E Os Vingadores está no topo da minha lista de MUST WATCH.

    Beijo

    ResponderExcluir
  16. Caramba, nem sei o que comentar sobre esse post. Primeiro porque devo ser a única pessoa na face da Terra que ainda não assistiu vingadores. Mas estou vendo todo mundo falar tão bem, que estou morrendo vontade de assistir. E acho legal que em cada blog que vou, alguém fala seu ponto de vista sobre algum dos heróis. O que mais ando vendo por aí é sobre o Loki, por isso, achei super legal você apresentar seu ponto de vista sobre o Hulk. Também sempre o achei sem-graça, mas agora que você falou quem o interpreta (eu não fazia ideia que era o Mark! :O Sou super bem informada como pode ver), acho que também vou mudar de ideia, assim como você.

    ResponderExcluir
  17. hahahahaha adoreeei o post! até porque sou hiperfã do Mark Ruffalo desde a primeira vez que o vi (e olha, nem me lembro quando). Adorei a definição da Analú de que ele é o vizinho que todas queremos ter. Sinto que ele é um homem real sabe? Uma beleza sensível, possível, fora das telas. Além disso ele tem um chaaaaaarme fora do normal. Coisa de super herói mesmo! rs...

    beijoca

    ResponderExcluir
  18. Quando eu fiquei sabendo que o Mark Ruffalo ia interpretar o Hulk me coração de aglomerou de alegria. Porque o Hulk é um dos poucos heróis da Marvel que eu gosto e aí colocaram essa coisa fofa e linda que dança Thriller com você na festa do seu trabalho e tals.
    O mais absurdo é que eu AINDA não vi o filme, e quero muito, tenho até um copo do Hulk que ganhei na Cinemark com o rostinho amor puríssimo estonteante dele!!

    ResponderExcluir
  19. Anna, eu te amo! Fico me perguntando porque vc não nasceu pra ser minha irmã mais nova! É exatamente isso: eu nunca gostei do Hulk mas meu olhar mudou completamente quando ele se tornou Mark Ruffalo. Ruffalo é só amor, minha gente! Não tem pra ninguém. Aquela carinha de cãozinho abandonado em forma de homem lindo, apaixonante e apaixonado... bem que os filmes que ele fez é que dão asas pra nossa imaginação romântica... mas só com ele que o Hulk como super herói faria todo sentido... e no filme ele se tornou meu favorito, claro! Tiraste as palavras da minha boca, como sempre! Vizinho dos sonhos <3

    ResponderExcluir
  20. Mark Ruffalo...meu amado Mark não importa o quanto ele mude e envelheça, ele sempre será meu Matt, o garotinho fofo que cresceu e virou um fotografo e roubou meu coração, ele pode ser qualquer um nas telonas,mas meu olhar apaixonado vai sempre ver seus personagens sob esse ângulo! e quem sabe um dia ele bate na minha porta pedindo uma xícara de açucar <3

    ResponderExcluir